Rosangela Demetrio


A hora e a vez dos drones

Cada vez mais os drones ganham destaque em matérias da internet e nos telejornais. Eles vieram com tudo e prometem aparecer ainda mais.

Mas, o que são drones?

 

A definição de drone dada pela enciclopédia livre da internet, a Wikipédia, é:

“Veículo aéreo não tripulado (VANT) ou drone (zangão, em inglês) é todo e qualquer tipo de aeronave que não necessita de pilotos embarcados para ser guiada. Esses aviões são controlados a distância por meios eletrônicos e computacionais, sob a supervisão e governo humanos, ou sem a sua intervenção, por meio de Controladores Lógicos Programáveis (CLP).”.

Praticamente, drones são pequenas aeronaves, como os aeromodelos, que são guiados eletronicamente a distância. A grande relevância dos drones, e o que muitos já descobriram, é a versatilidade do seu uso, que tanto pode ser para praticar o bem, como para praticar o mal. Depende de quem o está guiando…

Há quinze dias, no meu mais recente trabalho como assessora de casamentos, os noivos haviam contratado um fotógrafo, que eu ainda não conhecia. Eu o aguardava para orientá-lo, assim como aguardava a banda, o buffet e a decoradora. Mas, ele me surpreendeu logo de cara ao chegar com um drone.

Por terem sido, tanto o casamento, como a festa, realizados na igreja, um local fechado, eu não imaginei que seriam captadas imagens aéreas. Pois foi feito com a maior naturalidade do mundo. O fotógrafo guiou o drone, equipado com acessórios de captação de imagem, para o alto e o resultado foi sensacional: fotos aéreas, como se tivessem sido feitas de um helicóptero.

Esse é apenas um dos usos do drone. Recentes avanços estão surgindo na área da tecnologia da computação, envolvendo esses aparelhos, que aparecem cada vez mais em pesquisas acadêmicas, relacionados a diversos setores, mas principalmente ao seu uso na agricultura. Eles estão sendo vistos como ferramentas de custo relativamente baixo, diante da abrangência de sua utilidade, podendo receber equipamento de filmagem e foto, além de diversos tipos de sensores, que os tornam capazes de fazer um verdadeiro monitoramento de áreas agrícolas.

Por outro lado, em regiões de conflito, como no Oriente Médio, drones podem ser equipados com bombas e transformarem-se em robôs kamikazes. Ou mesmo podem ser utilizados em espionagem tanto em caso de guerra, como espionagem industrial. Essa nova invenção do homem tem a imaginação como limite e promete ir longe… Basta saber usá-la.

Continue lendo