Rosangela Demetrio


É hora de recomeçar…

Japão dedica grande parte dos investimentos de 2012 à reconstrução das zonas afetadas pelo terremoto e tsunami de 11 de março

Embora dependendo da emissão de nova dívida soberana, o orçamento japonês para 2012 prevê recuperar toda a área devastada pelos desastres naturais do ano passado. O orçamento é recorde, chegando a 93,56 trilhões de ienes (1,2 trilhão de dólares). Se aprovado pelo parlamento, este será o maior orçamento da história daquele país asiático. Dentro desse montante, o governo destinaria 3,78 trilhões de ienes (48,2 bilhões de dólares) à reconstrução das zonas afetadas.

Mas, não foram apenas o terremoto e o tsunami de março que trouxeram dificuldades para o Japão em 2011. Segundo agência de notícias, um tufão ocorrido em setembro acarretou no fechamento temporário de diversas fábricas japonesas, contribuindo para a queda na produção industrial no mês. E inundações na Tailândia também levaram a problemas na cadeia de suprimentos de automóveis e Tecnologia da Informação.

Mesmo com a presença de desastres naturais, o Japão continua sendo um dos países com melhor qualidade de vida no planeta, o que reflete numa população com parcela significativa de idosos. Este índice é resultado de investimento em saúde e na área social. O orçamento de 2012 prevê investimentos que montam 26,39 trilhões de ienes (337 bilhões de dólares), que serão destinados a despesas com Seguridade Social.

A atenção dos governantes para com o social talvez seja dos motivos que tornam o povo japonês tão forte e unido. A recuperação da atividade depois do desastre natural foi muito rápida. Além do país já ter saído da recessão e recuperado seus estoque, obteve um crescimento em torno de 1,5% no Produto Interno Bruto (PIB) do último trimestre do ano passado, com promessa de manutenção desse índice em 2012. Considerando que, existem sinais de queda para este ano na economia da China, maior parceiro comercial do Japão, o índice apontado de crescimento do PIB japonês é um alento para aquele país.

Segundo o Ministério das Relações Exteriores, atualmente vivem no Japão cerca de trezentos e dezessete mil brasileiros, a maioria composta por trabalhadoras e trabalhadores que viajaram em busca de melhores oportunidades de emprego e renda. Isso faz com que a maioria dos brasileiros torça para a recuperação e constante progresso do Japão.

Artigo publicado no jornal Empresas & Negócios, em 04/janeiro/2012.

Anúncios

Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: